Terça-feira, 26 de setembro de 2017
Últimas Notícias

Banqueiros oferecem 9%. Sindicato orienta rejeição da proposta

 

17/10/2011

 

Maior greve dos 20 anos não pode ser rifada pelos cutistas, que já orientam aceitação da proposta! Assembleia hoje, às 18h30! Compareça!

 

Na noite de sexta-feira, depois de dois dias de negociações, os banqueiros apresentaram uma nova proposta insuficiente e bastante distante das reivindicações dos bancários do Movimento Nacional de Oposição Bancária (MNOB), que pleiteia 26% de reajuste para os privados; 87% para o BB e 99% para a Caixa Federal, índices referentes à reposição das perdas salariais desde 1994.

 

Após 21 dias de greve, a maior da história, a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) ofereceu 9% de reajuste; PLR de 90% do salário mais valor fixo de R$ 1.400 e PLR Adicional com teto de R$ 2.800. Os dias parados durante a greve não podem ser descontados.

 


Para os pelegos da Contraf/CUT, que reivindicam míseros 12,5%, tais esmolas são consideradas avanços, mas para o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região/Conlutas não passam de quireras, que não recompõe o poder de compra dos salários. Todos à assembleia!

 

 


Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br